Skip to content

brasileiro NÃO é pacífico

Setembro 28, 2011

Falando em discursos, a Dilma andou repetindo novamente a velha ladainha de que “brasileiro é um povo pacífico”.

Balela.

Eu quero que alguém me mostre o que tem de pacífico num país que carrega o nada honorável título de Campeão Mundial de Homicídios. São 50 mil brasileiros por ano, que só não protestam contra esse cinismo ufanista porque estão a sete palmos do chão.

Querem outro exemplo?

Eu quero que alguém tente dirigir, ou, muito pior, pedalar ou caminhar pelas ruas de qualquer grande capital brasileira. O pedestre terá sorte se encontrar uma calçada em condições de uso, e pisar na faixa de pedestres é quase como colocar um pé na ante-sala do purgatório. Quem pode, corre para não ser atropelado. Velhos e deficientes nem se arriscam a sair nessa selva. Ser ciclista, então, é como carregar um alvo grudado na bunda.

Somos o quinto no mundo no ranking de mortes no trânsito. Mais de 35 mil por ano.

Mas nem precisamos de números. Qualquer freqüentador da vida noturna, principalmente se for do sexo masculino, sabe da lei da selva que reina. É praticamente uma disputa animal, que muitas vezes se restringe a olhares e medições de força à distância, mas não raro descambam nas vias de fato. A tensão é constante e uma briga é sempre iminente.

Mas nossos líderes adoram fingir que nada disso acontece. E a gente acredita. O brasileiro acredita que é “da paz” e que os loirinhos do lado de cima do globo é que são burucutus.

O pior é que essa bobagem sempre samba na boca de “otoridades” brasileiras em contextos de crítica a países europeus ou aos EUA. A penúltima vez que a Dilma soltou algo do tipo foi se referindo à chacina do malucão norueguês, dizendo que o fato seria especialmente chocante para os brasileiros devido a essa “não ser nossa característica”. E não é mesmo. Nossa característica é muito pior. A chacina norueguesa triplicou o índice anual de assassinatos do país; aqui não faria nem cócega.

Brasileiro é brigão, mal-educado, egoísta, ignorante, briguento, agressivo e amoral.

Ah sim, e pretensioso.

Alguém me lembrou que somos felizes. E eu sou obrigado a concordar. Sim, somos felizes. Um dos povos mais felizes do mundo, provavelmente. Mas, lembrando os índices que citei acima, não sei se isso é realmente uma virtude. Um povo que é feliz e faz carnaval apesar dessa carnificina toda, ou é muito burro ou sádico mesmo.

Anúncios

From → brasil

3 comentários
  1. Olavo já dizia…

  2. Mais um gráfico da Economist que deixa bem claro quem é o “povo pacífico por natureza” e quem são os assassinos por natureza… Brasil é o país da paz estilo República Democrática do Congo, Sudão, Etiópia, Ruanda. Super alto astral.

    Já os “assassinos” da América do Norte e da Europa…

    http://www.economist.com/blogs/dailychart/2011/10/homicide-rates

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: